Imagem: Blake Wheeler-Unsplash

Letra de Crédito Imobiliário (LCI)

A LCI é um título lastreado por créditos imobiliários garantidos por hipoteca ou por alienação fiduciária de coisa imóvel, ou seja, por empréstimos imobiliários contratados nas instituições financeiras.

A LCI confere aos seus tomadores direito de crédito pelo valor nominal, juros e, se for o caso, atualização monetária nelas estipulados.

É emitida por bancos comerciais, bancos múltiplos com carteira de crédito imobiliário, a Caixa Econômica Federal, as sociedades de crédito imobiliário, as associações de poupança e empréstimo e companhias hipotecárias.

A LCI é emitida sob a forma nominativa, podendo ser transferível.

Para o aplicador pessoa física das LCIs, como vantagem, vale destacar que são títulos isentos de Imposto de Renda (IR) e Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

As aplicações em LCI têm a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que estabelece o total de créditos de cada pessoa contra a mesma instituição associada, ou contra todas as instituições associadas do mesmo conglomerado financeiro, até o valor somatório de R$ 250.000,00, limitado ao saldo existente.

O FGC também estabelece o teto de R$ 1 milhão, a cada período de 4 anos, para garantias pagas para cada CPF ou CNPJ.

As LCIs são remuneradas em taxas de juros pré-fixadas ou pós-fixadas, e com vencimento normalmente de curto e médio prazo.

As instituições financeiras ofertantes da LCI podem efetuar o resgate antecipado, porém, seu valor será baseado na cotação do mercado secundário, com ágio ou deságio, sendo possível gerar prejuízo ao aplicador.

Letras de Crédito do Agronegócio (LCA)

A LCA é um título de crédito nominativo, de livre negociação, representativo de promessa de pagamento em dinheiro e constitui título executivo extrajudicial.

A LCA é de emissão exclusiva de instituições financeiras públicas ou privadas

Este título de crédito é vinculado a direitos creditórios originários de negócios realizados entre produtores rurais, ou suas cooperativas, e terceiros, inclusive financiamentos ou empréstimos, relacionados com a produção, a comercialização, o beneficiamento ou a industrialização de produtos ou insumos agropecuários ou de máquinas e implementos utilizados na atividade agropecuária

Para o aplicador pessoa física das LCAs, como vantagem, vale destacar que são títulos isentos de Imposto de Renda (IR) e Imposto sobre Operações Financeiras (IOF).

As aplicações em LCA têm a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), que estabelece o total de créditos de cada pessoa contra a mesma instituição associada, ou contra todas as instituições associadas do mesmo conglomerado financeiro, até o valor somatório de R$ 250.000,00, limitado ao saldo existente.

O FGC também estabelece o teto de R$ 1 milhão, a cada período de 4 anos, para garantias pagas para cada CPF ou CNPJ.

As LCAs são remuneradas em taxas de juros pré-fixadas ou pós-fixadas, e com vencimento normalmente de curto e médio prazo.

As instituições financeiras ofertantes da LCA podem efetuar o resgate antecipado, porém, seu valor será baseado na cotação do mercado secundário, com ágio ou deságio, sendo possível gerar prejuízo ao aplicador.

Todos os direitos reservados – MERCADO FINANCEIRO

Anúncio